13 COISAS QUE VOCÊ DEVE ABANDONAR SE QUISER SER BEM-SUCEDIDO

51225c4f595da.jpgAlguém me disse uma vez a definição do inferno: “no seu último dia na terra, a pessoa que você se tornou vai encontrar a pessoa que você poderia ter se tornado.”- Anônimo
Às vezes, para ser bem-sucedido, não precisamos de mais coisas, precisamos desistir de algumas. Mesmo que cada um de nós tenha uma definição diferente de sucesso, existem certas coisas que são universais, das quais se você desistir será mais bem-sucedido.
Algumas delas você pode abrir mão hoje, outras podem demandar mais tempo.

1. Abandone estilos de vida que não sejam saudáveis

“Tenha cuidado com seu corpo. É o único lugar que você tem para viver.”- Jim Rohn

Se você quer alcançar qualquer coisa na vida, tudo começa aqui. Primeiro, você tem que cuidar de sua saúde, e há apenas duas coisas que você precisa ter em mente: Passos pequenos, mas você vai agradecer a si mesmo um dia.

2. Abandonar a mentalidade de curto prazo

“Você só vive uma vez, mas se você fizer isso direito, uma vez é suficiente.” – Mae West

Pessoas bem-sucedidas estabelecem metas de longo prazo e sabem que esses objetivos são meramente o resultado de hábitos de curto prazo que eles precisam fazer todos os dias.
Hábitos saudáveis ​​não devem ser algo que você faz: devem ser algo que você é.
Há uma diferença entre: “Malhar para ter corpo de verão” e “Malhar porque é quem você é.”

3. Não pense “pequeno”

“Pensar pequeno não serve ao mundo. Não há nada de brilhante em se encolher para que outras pessoas não se sintam inseguras perto de você. Todos nós devemos brilhar, como as crianças. Não está apenas em alguns de nós, está em todos, e quando deixamos nossa luz brilhar, inconscientemente damos permissão a outros para fazer o mesmo. À medida que nos libertamos do nosso medo, nossa presença automaticamente liberta os outros. “- Marianne Williamson

Se você nunca tentar e aproveitar grandes oportunidades ou permitir que seus sonhos se tornem realidade, você nunca vai perceber o seu verdadeiro potencial.
Além disso, o mundo nunca se beneficiará com o que você poderia ter conseguido.
Então dê voz às suas ideias, não tenha medo de falhar e certamente não tenha medo de ter sucesso.

4. Abandone suas desculpas

“Não é sobre as cartas que você tem, mas como você joga elas.” – Randy Pausch, The Last Lecture

Pessoas bem-sucedidas sabem que são responsáveis ​​por suas vidas, não importa o seu ponto de partida, fraquezas e falhas do passado.
Perceber que você é inteiramente responsável pelo que acontece em seguida na sua vida, é assustador e excitante.
No entanto, é a única maneira que você pode alcançar o sucesso, porque as desculpas nos limitam e impedem de crescer pessoalmente e profissionalmente.
Possua sua vida. Ninguém mais o fará.

5. Desista da mentalidade fixa

“O futuro pertence àqueles que aprendem mais habilidades e conseguem combiná-las de maneiras criativas.” – Robert Greene, Maestria

Em uma mentalidade fixa, as pessoas acreditam que sua inteligência ou talento, são simplesmente traços fixos e que talento sozinho gera sucesso – sem esforço. Eles estão errados.
Além disso, as pessoas bem-sucedidas sabem disso. Elas investem uma imensa quantidade de tempo para desenvolver uma mentalidade de crescimento, adquirir novos conhecimentos, aprender novas habilidades e mudar sua percepção, para que isso possa beneficiar suas vidas.
Lembre-se: quem você é hoje, não é quem você tem que ser amanhã.

6. Abandone a crença na “Bala Mágica”.

“Todos os dias, em todos os sentidos, eu estou ficando cada vez melhor” – Émile Coué

O sucesso de um dia para o outro é um mito.
Pessoas bem-sucedidas sabem que fazer pequenas melhorias contínua a cada dia, será agravado ao longo do tempo, e dará os resultados desejados.
É por isso que você deve se planejar para o futuro, mas com o foco no dia seguinte, e melhorar apenas 1%.

7. Desista do perfeccionismo

“Se mover é melhor que ser perfeito.” – Kahn Academy’s Development Mantra

Nada será perfeito, não importa o quanto tentemos.
O medo da falha (ou mesmo o medo do sucesso) nos impede frequentemente de agir e de pôr nossa criação no mundo. No entanto, muitas oportunidades serão perdidas se esperarmos que as coisas sejam certas.
Então, navegue e depois melhore (aquele 1%).

8. Desista de ser multitarefa

“Você nunca chegará ao seu destino se parar e jogar pedras em cada cão que ladra.” – Winston S. Churchill

Pessoas bem-sucedidas sabem disso. É por isso que elas escolhem uma coisa e em seguida, passam a perseguir seus objetivos. Pode ser uma ideia de negócio, uma conversa ou um treino.
Estar plenamente presente e comprometido com uma tarefa é indispensável.

9. Desista da sua necessidade de controlar tudo

“Algumas coisas dependem de nós e algumas coisas não dependem.” – Epictetus, filósofo estóico

Diferenciar estes dois é importante.
Separar-se das coisas que você não pode controlar, e concentrar-se naquelas que você pode, e saber que às vezes, a única coisa que você será capaz de monitorar é a sua atitude em relação a algo.

10. Desista de dizer SIM para coisas que não levam aos seus objetivos

“Aquele que pode realizar pouco deve sacrificar pouco. Aquele que pode alcançar muito, deve sacrificar muito. Aquele que pode alcançar níveis muito altos, deve sacrificar grandemente.”- James Allen

Pessoas bem-sucedidas sabem que para alcançar seus objetivos, terão que dizer NÃO a tarefas, atividades e demandas de seus amigos, familiares e colegas.
Em um curto prazo, você talvez sacrifique um pouco de gratificação instantânea, mas quando seus objetivos começarem a dar frutos, vai valer a pena.

11. Abandone pessoas tóxicas

“Você é a média das cinco pessoas que você mais convive.” – Jim Rohn

As pessoas com quem gastamos mais tempo somam-se a quem nos tornamos.

Há pessoas menos ambiciosas e há pessoas mais ambiciosas do que nós. Se você gastar tempo com aqueles que são menos motivados do que você, sua média vai cair e com ela, o seu sucesso.
No entanto, se você passar o tempo com pessoas mais avançadas do que você, não importa o quão desafiador que possa ser, você será mais bem-sucedido.
Dê uma olhada em si mesmo e veja se você precisa fazer alguma mudança.

12. Abandone sua necessidade de ser apreciado

A única maneira de não se chatear com as pessoas é não fazer nada importante.” – Oliver Emberton

Pense em si mesmo como um nicho de mercado.
Muitas pessoas vão gostar desse nicho, outras pessoas não e não importa o que você faça, você não será capaz de fazer todas as pessoas gostarem de você.
Isso é totalmente natural, e não há necessidade de fazer nada para se justificar.
A única coisa que você pode fazer é continuar sendo autêntico, e saber que o crescente número de pessoas que o odeiam significa que você está fazendo coisas importantes.

13. Abandone sua dependência de redes sociais e televisão

“O problema é que você acha que tem tempo” – Jack Kornfield

O vício de ficar na internet e assistir televisão é a doença da sociedade de hoje.
Estes dois nunca devem ser uma fuga de sua vida ou seus objetivos.
A menos que seus objetivos dependam deles, você deve minimizar (ou eliminar) a sua dependência sobre eles. Além disso, dirija esse tempo para coisas que podem enriquecer sua vida.

(Matéria original publicada por Zdravko Cvijetić no Linkedin)

 

Anúncios

Espólios e nada mais.

era ali

Não posso dizer que sou um cientista excêntrico, porém muitas de minhas virtudes e vaidades são fruto de uma disciplina rígida e atípica para pessoas de minha época. Vivi em um mundo caótico, onde a Guerra era algo comum, sentíamos o medo como um sentimento primário. Ser corajoso ou valente era suicídio. Éramos ovelhas aconselhadas por lobos internos.

Me lembro de um ditado uma vez, que minha mãe recitou aos cochichos da invasão de propriedade naquela noite:

“Existem dois lobos com fome, um de amor e esperança e o outro de medo e incertezas, qual dos lobos ganha?” A resposta: “O que vc alimentar mais.”

Os espólios fizeram pessoas como nós, professores, cientistas, médicos às vezes, mas o que me intrigou foi a causa disso. Não podemos condenar uma macieira por causa de uma fruta podre. Tivemos ensinamentos rigorosos, intensos porém o que define e diferencia o bem do mal é a sua escolha.

Achei que não nevaria naquela noite de lua cheia. Era quase natal, um sussurro pairava sobre a vila, era comum ouvir o vento cantarolar nas entrelinhas. Subiu um calafrio à espinha, não podia ter certeza, mas suspeitava que poderia ser aquele dia.

E por incrível que pareça…foi naquela madrugada… e tudo começou a fazer sentido naquela madrugada…

Treze!

Treze

Certas coisas de parar o trânsito!
Verdade incalculáveis

Semestre ja acabou eu acho.

NÃO me dê ordens papa!

What?!

Vejo peoples comendo nugets! (sei lá como escreve)

Às vezes a mão que balança o berço é diferente.

Imagens de Fukushima nunca vistas pelo homem.

Ai guésti jostiiiiii eveeeeeriiitiiingue!

Crepe por favor! Com duas bolas de chocolate, sem molho.

Tano nombre

Yes sir! Came Over Here!

A procura da Felicidade.

fedddRecapitulando:

1. Fazer comparações pode prejudicar sua felicidade.

2. Muitas pessoas acham que a felicidade é ser mais rico ou mais importante.

3. Muitas pessoas só imaginam a felicidade no futuro.

4. Felicidade pode ser a liberdade de amar mais de uma mulher ao mesmo tempo.

5. Ás vezes a felicidade é não saber toda a história.

6. Evitar a tristeza não é o caminho para a felicidade.

7. Sua companhia lhe leva sempre:
A) pra cima, ou
B) pra baixo?

8. Felicidade é seguir sua vocação.

9. Felicidade é se sentir amado por ser você mesmo.

10. Ensopado de Batata Doce!
 
11. O medo impede a felicidade.

12. Felicidade é se sentir inteiramente vivo.

13. Felicidade é saber como comemorar.

14. Saber ouvir é saber amar.

15. Nostalgia não é mais como era antigamente.

16. Sempre pegue a caneta dos amigos.

Padrões se repetem

touchVivo um dia após o outro, recordando dos milhares de momentos que tive, tentando absorver cada compasso desse efeito retrógrado que nossa mente executa, alienando pensamentos, decifrando mensagens e imagens, estabelecendo uma conexão com o mundo, e até com o universo. Tudo isso desencadeado pelas ações do dia a dia. Shinay, Shingu, Arroz, halls, carro, tênis, bola, pão de queijo, vento, Alabama, Torre Eiffel, sentimento, XOXO, cão, flores, ar, trabalho, natureza, palavras com ou sem sentido, tudo emergido no universo e mesmo assim, cada um com seu propósito definitivo ao longo do seu caminho.

Vivo neste planeta com 7 bilhões, 568 milhões e 497 mil pessoas. Esta é a história de algumas dessas pessoas. Há infinitas maneiras de se comunicar, algumas melhores do que as outras. Enviaremos durante a vida 300 bilhões de e-mails, 19 bilhões de mensagens de texto, tudo somando-se ao mosaico enorme de padrões e proporções em desenhos matemáticos, esses padrões se escondem bem debaixo de nossos olhos, só é preciso saber onde procurar. Em média, uma pessoa fala 16.147 palavras por dia, para 7.3 pessoas diferentes, em vários idiomas, em lugares diferentes e mesmo assim estamos perdidos sofrendo para explicar o mais simples dos conceitos: Eu quero, Eu sou, Eu amo.

Mas só alguns de nós conseguem ver como as peças se encaixam. Foi tudo predeterminado pela probabilidade matemática, e é meu trabalho ficar de olho nesses números, fazer as conexões para aqueles que precisam se encontrar. Aqueles cujas vidas precisam se tocar.

Sete bilhões de pessoas em um planeta pequeno flutuando na vastidão do espaço, sozinhas, fazendo parte disso. É o grande mistério da nossa frágil existência. Talvez ser solitário no universo é o que nos mantém unidos, o que nos faz precisar do outro por motivos pequenos criando um entrelaçamento quântico de você, de mim, de nós. Por milhares de anos os navegantes olham para as estrelas para saberem onde estão com o oceano se movendo debaixo deles, sentem conforto na posição fixa da Estrela Polar enquanto aqui nada para de se mover… Alguns chamam de destino, outros de caminho, alguns chamam de fé, mas a verdade é que padrões se repetem… Isso é a vida ou parte dela?

Grande Colisor de Hádrons confirma existência de hádrons exóticos

Imagem

O LHCb (experimento realizado no Grande Colisor de Hádrons) confirmou a existência de hádrons exóticos – um estado da matéria que não pode ser classificado dentro do modelo tradicional de quarks.

Uma explicação rápida: os hádrons são partículas subatômicas que participam de algo que os físicos chamam de “Força Forte”. A redundância serve para caracterizar a força que prende os prótons dentro do núcleo de átomos. E, desde 1960, acredita-se que os hádrons são feitos de quarks e anti-quarks, que determinam suas propriedades. Um tipo de hádrons, os mésons, são feitos de pares de quarks e anti-quarks, por exemplo, enquanto bárions são feitos de três quarks.

Mas desde que essas construções foram propostas, suspeita-se que existam partículas que não se encaixem nessas definições. Agora, o LHC comprovou a existência de uma dessas partículas exóticas, a Z(4430).

As primeiras evidências da Z(4430) surgiram em 2008, quando cientistas encontraram um grande pico na distribuição de massas que surgem do enfraquecimento de mésons. Depois a certeza da descoberta foi caracterizada como 5.2 sigma (medida que os físicos usam para contar a probabilidade de que suas descobertas estão corretas).

Desde então, foram analisados mais de 25 mil enfraquecimentos de mésons B e mais de 180 trilhões de colisões que comprovaram a existência da Z(4430) com uma certeza de 13.9 sigma, provando que é uma partícula real e não um erro de análise de dados.

Isso significa que, provavelmente, o modelo de quarks precisará criar uma nova classificação para a Z(4430). Será considerada um tetraquark, um novo tipo de hádron feito de quatro quarks? Ou um tipo de fusão entre dois mésons? Ainda não se sabe: a certeza é que se trata de um novo objeto, inexistente na natureza.

Retirado do Revista Galileu.

Resumindo: O ser humano continua sem saber de PORRA NENHUMA!! Que magnífico o Universo!

 

De que lado você está?

Imagem

As mudanças climáticas estão aumentando;
O trânsito está caótico;
As pessoas estão mais amargas; sabem buzinar, mas não sabem quando parar!

24 horas é pouco para responder todos os e-mails que recebemos.
Nossas redes sociais e nossos amigos, agora são virtuais.
Antes curtíamos a terra, o mato, o vento, a água, ou simplesmente uma conversa na cozinha, agora nós simplesmente damos um “curtir”!

Licença, por favor, obrigado, você primeiro e desculpe, são expressões que diminuíram em nosso vocabulário. Costumes que vão sumindo.

Nosso prazer não está mais em nossas relações e em nossas experiências, mas sim naquilo que consumimos. Nossa geração “Y” quer chegar ao topo na mesma velocidade de sua conexão na internet, mas não querem aprender coisas básicas tais como: arrumar a cama, fazer uma faxina no quarto, fazer as compras, fazer seu próprio alimento ou cuidar de um filho que, talvez, tenha chegado cedo demais.

As experiências não servem mais para nada. Os jovens querem chegar ao resultado sem saber fazer a conta. Afinal, para que ouvir os mais velhos se podem simplesmente consultar o amigo GOOGLE. Respeite os mais velhos, afinal eles têm mais experiência que você

On ou off – De que lado você está?
Está passando da hora de reiniciar!

Tudo pode ser diferente.
Basta você se ligar!
Não adianta você querer a SUSTENTABILIDADE sem SER SUSTENTÁVEL!
De que lado você está?

Consumir desnecessariamente pode ser evitado.
O desperdício deve ser combatido.
O colapso econômico do planeta não se resolve com a elevação das suas compras, mas talvez com o retorno às suas origens!
Humildes, sinceras, despretensiosas, colaborativas e autoprodutivas.

On ou off – De que lado você está?
Está passando da hora de se ligar!

Quem planta, colhe!
Onde se planta, tem vida.

Temos que ajudar o Planeta!
Temos que ajudar os filhos destes pais e os pais destas crianças!
Temos que deixar filhos melhores para que tenhamos netos melhores!

Sustentabilidade é isso.
Saber se desligar na hora certa e respeitar o meio ambiente.
Viver em comunidade e para a comunidade!
Buscar o crescimento, mas respeitando uma regra básica: “seu direito termina onde começa o do seu vizinho”!

Lembre-se: não existem flores sem sementes.
O mundo está ficando carente de gentileza e intolerância gera intolerância.
Somos capazes de reclamar uns dos outros, mas não somos capazes de devolver uma indelicadeza com um sorriso.
Isso é difícil, mas essencial.
Se não mudarmos, o mundo não muda!

On ou off – De que lado você está?
Está passando da hora de você se ligar. O nosso planeta não pode ser desligado! Então, se ligue!