A morena do lindo sorriso

asas

A morena do lindo sorriso
Radiante, simples…marcante
Que ilumina  minha inspiração
Desafia minha imaginação

O olhar de um anjo
A leveza de criança
Brinca em meus pensamentos
Bagunça minhas idéias

Faz ciranda em meus sonhos
Brinca de roda em meu futuro
Pula amarelinha em meus dias
Brinca de esconde-esconde em minhas noites

Atrevida
Levada
Carinhosa
Criança

Que se confunde com um anjo
O olhar que passa alegria
O sorriso que esconde lágrimas
A morena que voa sem asas

Em minhas linhas
Meus olhos fechados
Em minha imaginação
Minha poesia

Sonho
Curiosidade
Desejo
Vontade

Misture tudo
Acrescente o doce olhar
Uma pitada de imaginação
As asas de um anjo

A morena do lindo sorriso
Que me tirou meu sono
Me deu de presente esta inspiração
Tocou meu coração

(Por Poeta dos mares)

Anúncios

TUDO Religioso!

Imagem
Pelo milésimo segundo
Enquanto tanto quanto vem em prantos
A veracidade escrita como “vericidade
Brota pela bota que topa a sombra da cidade.

Alguma vez lhe disse a verdade
A verdadeira vontade de ver o óbvio.
O inimigo do homem aranha, octopus.
A teia tecida no teto de meia idade.

“Entonces” usei francês
“Aloe vera” era trela de bom dia
Há anos não escuto a palavra “cotia”
E o pão do padeiro padece em Pedro, o freguês!

“Altas madrugadas, e eu aqui sem sono”
Música, melodia, melancolia com cheiro de morango
E Romeu roubou rapidamente coração de Julieta.
“Aqui jaz Romeu”, Julieta viveu o amor sem fim.

E o céu arranha o mel que toca pelos Anjos.
Da classe mediana, de todos um Serafim.