Anúnicios no meio do Post

E a WordPress começou a por anúncio automático no fim no post!
Lamentável a plataforma começar a cagar na estrutura.

Anúncios

sol.jpg

 

 

 

 

 

Vivo  com a direção de Deus.
Uma  xérox de um  olho.
Não me deixem .
Venho  para ajudá-lo(a).
Os s ficaram à direita ; os acompanhados à esquerda.
Estava a s no baile.

Come dice il detto..

sabioPorque as pessoas são são falsas? Porque o mundo vive em função de um consumismo sem fim? Essa sede por produtos novos está acabando com a geração que está nascendo agora.

Eu fico imaginando porque os seres humanos são tão mesquinhos? Precisam fingir que te conhecem só quando precisam de algo, ou ignorem sua existência por você não ser importante para elas. O que é inacreditável é as pessoas pregarem paz, amor e solidariedade e serem falsas, medíocres e mentirosas.

É muito simples, quando você fica sem dinheiro e os outros o obtém, por decorrência de seus frutos ou não, você começa a conhecer a verdadeira face da pessoa. É como aquele ditado: “Dê poder e dinheiro à alguém e ela se revelará.”

Dizem que o dinheiro corrompe o ser humano, isso é mentira, na verdade ele ajuda a mostrar quem a pessoa realmente é. Ela não muda o ser humano, ela apenas ajuda a se revelar.

Injustiça é a população da África estar do jeito que está e o resto do mundo endinheirado comprando garrafa de champagne de 20 mil dólares.

Injustiça é o resto de aborto que mata, estupra e rouba e sempre está solto, preparando outro ataque.

Injustiça é um país dominado pela corrupção e a população assistir com pipoca e olhos vendados.

 

A incrível geração Mimimi

Por (Jenifer Castilho)

Numa galáxia muito longe da nossa, existe um planeta habitado por indivíduos muito inteligentes e cultos. Há um grupo muito influente que conquistou quase todo o planeta. Eles são denominados: “a incrível geração mimimi”. Essa geração acorda ao meio dia e não arruma sua cama, almoça e não lava seu prato, e quando acaba sua rotina “matinal”, finalmente se conecta ao wi-fi pago por seus pais opressores e enche as redes sociais diariamente de reclamações sobre o machismo, racismo, e a sociedade patriarcal. Ela só lê (quando se dá ao trabalho) as xerox’s da universidade indicadas por seus professores.
Se orgulham de sua intelectualidade e, quando alguém escreve nas redes sociais algo que eles não concordam, não citam livros, nem fontes confiáveis. Não precisam dessa barbaridade! Eles simplesmente respondem com toda sua inteligência e perspicácia a mesma frase de sempre: “apaga que dá tempo”.

Que sagacidade, não é mesmo?

Não precisam ler nenhum autor conservador ou liberal para criticá-los, pois lá no fundo todo mundo sabe que esses autores não sabem do que falam. Na verdade, essa geração não precisa nem mesmo ler autores que eles próprios defendem. Se a mídia diz que ele é bom, se os professores dizem que ele é bom, por que questionar?
Em falar em questionar, essa geração é a mais inteligente. Todos pensam igual, todos dizem os mesmos clichês e as mesmas frases de efeito, mas se consideram autônomos e afirmam constantemente que pensam por si mesmos e são independentes.

Você precisa esquecer sua identidade para fazer parte dessa geração, precisa se rotular e ter uma opinião formada sobre tudo. “Aquilo que o Tico Santa Cruz publicou”, “aquilo que Jean Wyllys cuspiu… quer dizer, falou.” Deve estar atento aos temas políticos do momento senão ficará de fora da roda dos doutores da política das redes sociais. E aceite! A Polícia Federal não sabe de nada! Aquele macho opressor chamado Sérgio Moro, que estudou a vida toda, se tornou juiz federal em 1996, que chefiou a 3ª Vara Federal de Joinville em Santa Catarina, que tem vários livros publicados não sabe de nada! Quem sabe de tudo é seu professor de história de 40 anos que ainda mora com a mãe. O resto é golpe! Aceita que dói menos.

A incrível geração mimimi sempre trabalha com a lógica.

O deputado gay se fantasia e homenageia um personagem terrorista da história que mandava gays para campos de concentração e os matavam.

A mulher feminista diz que o lugar de toda mulher é onde ela quiser, mas se ela quiser ficar fora do movimento feminista merece ser estuprada. estupro.png

Essa geração é contra a pena de morte, mas a favor do assassinato dos bebês desde que eles ainda estejam no ventre.

Essa foto representa mais um caso de um espermatozoide abusado e opressor que entrou no ventre dela sem seu consentimento:aborto.jpg

E o que falar daquelas guerreiras que lutam contra cultura do estupro e a sociedade patriarcal? Não poupam esforços para acabar com as injustiças impostas a elas. Elas não se depilam e postam em suas timelines sobre o estupro que sofrem diariamente ao sair na rua e ter a infelicidade de um macho lhes olhar.

 

Retirado do Gazeta do Povo

 

Família

divertida-mente-2

O amor, o afeto e a paz eram 3 irmãs
Que viviam felizes e em sintonia harmoniosa
Com uma ligação tão forte quando um imã
E reinavam de uma forma gostosa

O afeto era o mais comunicativo
Solto, se apegava mais as pessoas
Era muito extrovertido e ativo
Além de simpático, tinha ideias boas

A paz era a mais reservada, rígida e centrada
Evitava qualquer desavença, às vezes até concordava
Com algo que não gostava, para já ter uma resposta dada
Sem criar uma discussão, onde a felicidade reinava

O amor era o mais cuidadoso, um típico sincero
Vivia pelos outros, era liberal e um verdadeiro lutador
Dizia: “Um dia eu conquisto todos do mundo, assim espero”
E às vezes, por ser ele mesmo, não deixava ser tomado pela dor

E o mundo em que viviam existia outros parentes
Dos primos Ódio e Raiva até os tios Calma e Ansiedade
Sem falar de outros inúmeros que se alternam entre os entes
Era uma grande família, uma fraternidade.

O ceifador de Perdedores

texto5.jpgHá algum tempo fui contratado para um trabalho distinto. No começo achei meio diferente, mas nada que com um tempo não se acostume. Horários incertos, tempo cronometrado algumas vezes, e um bom pagamento. Era tudo de se esperar. Porém existe uma cláusula que não se podia quebrar, eu não poderia dizer as palavras “obrigado”  e “me desculpe”. Isso era inaceitável no Trabalho, repercutiria em toda a minha vida. Contrato meio puxado, as vezes exaustivo, mas as pessoas acabam de acostumando com ele.
O trabalho era muito simples, tratava de destratar as pessoas. Com piadas medíocres ou ofensivas, de preferência as que feririam o ego delas. No começo você acha que é exagero, depois você se torna aquilo, acha normal faltar com respeito, se torna brincadeira. Se torna comum.

E então o dia a dia se torna isso, um lugar onde posso depravar piadas e ofensas que o resto do mundo acha engraçado. É uma cutucada dali, outra daqui, contanto que um ou dois riem, é inteiramente normal. Se a pessoa se ofende com a suposta “brincadeira”, ela não tem argumento para se sustentar, ela se torna a errada.

E o mundo está assim hoje em dia, tratar o outro com ofensa é normal, fazer piada imoral é engraçado, cultivar o humor negro virou algo necessário. Algumas pessoas se afastam da gente, mas tanto faz. O mundo continua girando. No fim da vida vou estar sozinho, com meu humor negro, minha falta de caráter e um belo casarão solitário.

Mas se arrepender jamais, afinal nasci pra ser otário.

(Depoimento de um babaca qualquer)

 

Imagine

texto3Imagine um mundo sem mentiras, sem falsidades, sem vaidade. Agora coloque um ser humano nele e veja destruição fluir.