Somos, tipo.

partyA gente, tenta, menta, isenta
A vida acontece a cada dia
Livre a saudade inventa e incrementa
A saúde, a inocência, um sentimento
Puro livre e solto e leve
Tudo vive tipo broto e neve

Sociedade explora idade
Vaidade mascara a verdade
Sentimento consumido
Alimento bem sentido

Vi verte-a como lúpulo
Morrer te-e como Phoenix
Nascer-te como semente
De forma descaradamente

O solstício começou
Aquele lero lero
E tudo se resume ao fato dela
Com detalhes naturais de Cinderela

Trazer a divina comédia
Distribuindo matéria
vivendo em etéreo
O universo dentro de mim

Anúncios

E se

beneficio-meditacao

E se eu soubesse que a fé fosse uma dose de café?
E se uma escolha mudasse o mundo?

E se soubessem sobre aqueles assuntos?
E se o mundo parasse com as guerras?
E se um livro criasse gerações?

E se o grande sábio fosse pequeno?

E se uma flor despertasse o amor ao tocar o chão?
E se na verdade, a verdade libertará?
E se inventamos algo para um bem maior?
E se vivêssemos como se não houvesse amanhã?
E se este dia nunca chegar, porque desistir?
E se realmente tudo que fazemos tem um sentido?
E se somente algumas dessas coisas fossem importantes?
E se olharmos para dentro de nós e descobríssemos a verdade?

Abra sua Mente

meditação.jpg

Agimos como mendigos sentados em um baú de diamantes. Acreditamos não ter aquilo que temos em grande abundância e passamos a vida procurando receber de fora o que já está dentro de nós. Desperdiçamos a vida tentando agradar aos outros, correndo atrás de dinheiro, poder e reconhecimento social, pois isso nos afasta cada vez mais de quem somos e do que realmente viemos fazer aqui. E somente quando podemos parar, silenciar a mente e observar o que está por trás dessa correria, dessa carência, é possível ver e abrir o baú de diamantes. Quando tomamos consciência de quem somos e dos dons e talentos que trouxemos para o mundo, nos percebemos verdadeiramente ricos.

(Retirado do Sri Prem Baba)

O que já fiz

dd.jpgJá acreditei em amores perfeitos,
Já descobri que eles não existem…
Já amei pessoas que me decepcionaram,
Já decepcionei pessoas que me amaram…
Já passei horas na frente do espelho
Tentando descobrir quem sou,
Já tive tanta certeza de mim,
Ao ponto de querer sumir…
Já menti e me arrependi depois,
Já falei a verdade
E também me arrependi…
Já sorri chorando lágrimas de tristeza,
Já chorei de tanto rir…
Já acreditei em pessoas que não valiam a pena,
Já deixei de acreditar nas que realmente valiam…
Já tive crises de riso quando não podia…
Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns,
Outras vezes falei o que não pensava para magoar outros…
Já senti muita falta de alguém,
Já gritei quando deveria calar,
Já calei quando deveria gritar…
Já penas para ver um amigo mais feliz…
Já inventei histórias de final feliz
Para dar esperança a quem precisava…
Já sonhei demais,
Ao ponto de confundir com a realidade…
Já tive medo do escuro,
Hoje no escuro “consigo ver a luz dentro de mim”…
Já caí inúmeras vezes
Achando que não iria me reerguer,
Já me reergui inúmeras vezes
Achando que não cairia mais…
Já corri atrás de um carro,
Por ele levar alguém que eu amava embora.
Já chamei pelo pai no meio da noite
Fugindo de um pesadelo,
Mas ela não apareceu
E foi um pesadelo maior ainda…
Já chamei pessoas próximas de “amigo”
E descobri que não eram;
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada
E sempre foram e serão especiais para mim…
Não me dêem formulas certas,
Porque eu não espero acertar sempre…
Não espere de mim nada pois sou livre para ser eu mesma.
Porque vou seguir meu coração!…
Não sei amar pela metade,amo a todos igualmente e intensamente.
Não sei viver de mentiras,não espere que eu minta,não aceito mentiras.
Sou sempre eu mesmo.

O Teatro Mágico

tt.jpg

Veio de manha molhar os pés na primeira onda
Abriu os braços devagar… e se entregou ao vento
O sol veio avisar… que de noite ele seria a lua……
Aproveitava os carinhos do mundo
Os quatro elementos de tudo
Deitada diante do mar
Que apaixonado entregava as conchas mais belas
Tesouros de barcos e velas
Que o tempo não deixou voltar…
Onde já se viu o mar apaixonado por uma menina?
Quem já conseguiu dominar o amor?
Por que é que o mar não se apaixona por uma lagoa
Porque a gente nunca sabe de quem vai gostar
Nenhum medo que possa enfrentar
Nem segredo que possa contar…

Os opostos se distraem
Os dispostos se atraem