O GAROTO fudido!

Imagem

Esta é uma história, de um garoto FUDIDO. Ele era a mais pura encarnação da lei de Murphy. Maldição e mau olhado eram características do seu caráter injustiçado pelo destino. Ele era tão azarado que em vários fatores da vida lhe convinha algo maléfico e digno de acontecer em sua vida.Na escola, ele não se saia bem, e como sempre, havia um professor que o marcava. Quando não era gay o professor, eram aqueles tiranos, mas sempre lhe marcavam. Isso podia se dar por ele ser extremamente divertido, o que causava inveja alheia.

No amor, era o mais fudido. Não tinha uma vida amorosa muito agitada, não por opção, mas por falta dela mesmo. Quando encontrava uma garota, achava que era a certa, mas ela estava pegando outros também. Quando ele encontrava outra garota, e estava dando tudo certo, a mesma voltava com o namorado na outra semana. E sua vida amorosa foi assim de anos em anos, séculos e séculos.

No sexo, PUTA QUE PARIU!! Ele não comia ninguém! Custava conseguir uma foda, e quando conseguia uma foda, dentre milhares de pessoas, ele pegou uma doença venérea no primeiro sexo. O verdadeiro senhor do azar. A vida de todo mundo é normal, mas desse filho de puta era o azar total.

No serviço, desempenhava sua função perfeitamente, mas era tratado como escravo. O gerente filho da puta não fazia metade do que ele fazia, e mesmo assim tirava 3 vezes mais. Mas o auxiliar administrativo, que tinha rolo com um das filhas do patrão tirava mais que ele.

E o mundo continuou sendo injusto com esse Garoto.

Fora do país, no primeiro aeroporto que desce, sua bagagem já foi revistada, o confundido com algum traficante internacional e perdendo algumas horas de constrangimento ali mesmo. No albergue, ao escolher um em milhares da sua lista, ele vai JUSTO ao único albergue que não tem água quente. Pegou o roteiro e na previsão do tempo fazeria sol naquele MÊS! E adivinham?!

Choveu o mês todo! Previsão do tempo totalmente errada.

Ele tentava consertar as coisas, mas parecia que sempre estava tudo indo de mal a pior sempre, sempre, sempre. Ele gostou de uma garota, achou que poderia acontecer alguma coisa boa com ele, e aconteceu, ela chutou ele como um galho jogado no chão. Ele conheceu outra garota, ela fez o mesmo. Ele mudou de emprego, mudou de cidade, mudou de nome, achando que poderia ser alguma macumba, mas nada adiantou, o azar era seu escudeiro.

Essa não é uma história de amor, nem de ódio, nem de felicidade, nem de tristeza, nem de PENA e muito menos de DÓ. Isto é, nada mais, que uma simples história. O cotidiano de alguém, como outras pessoas ao redor do mundo que estão encharcadas de problemas e não vem solução. Esta é a história de pessoas que perderam o foco na vida, ou em algum momento dela e deixaram de viver, apenas existem. Esta é a mesma história daquelas pessoas que não sabem o que querem da vida, e se escondem no conforto do sossego. A mesma história de pessoas COVARDES, medrosas e sem auto- estima. Esta história não tem final feliz. Mas as pessoas podem ter se quiserem. “SE” algum dia quiserem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s